• Home
  • Notícias
  • Com formato home-based, The Kids Club quer crescer 20% este ano
Com formato home-based, The Kids Club quer crescer 20% este ano
Divulgação

Com formato home-based, The Kids Club quer crescer 20% este ano

As franquias home-based e de menor custo de investimento tem atraído um número crescente de investidores. Prova disso são os dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), referentes ao primeiro trimestre do ano, em que foi apurada alta na venda de unidades franqueadas, impulsionado por operações de venda direta, e-commerce e demais formatos. Ao apostar no formato home-based e com investimento a partir de R$ 20 mil é que a franquia The Kids Club pretende crescer 20% este ano.

Leia mais: Jumper chega a Macapá e ultrapassa 150 unidades em operação

Especializada no ensino de inglês e voltado exclusivamente para o público infantil, a rede que conta com mais de 100 franqueados em todo o País, quer ampliar sua participação no segmento educacional. A franqueadora atua com dois modelos de negócios, sendo o de sede própria ou no modelo de negócio em que o franqueado se desloca para ministrar aulas em escolas de educação infantil e ensino fundamental, ficando o The Kids Club responsável pela gestão pedagógica do curso e pela incorporação do método tanto na grade curricular do colégio, quanto  em formato de curso extra.

A região Sudeste é a que tem maior concentração de unidades, sendo 48 no total, e segundo a executiva responsável pelo The Kids Club no Brasil, Sylvia de Moraes Barros, o sucesso é atribuído a preocupação de muitos pais com a qualidade do ensino ofertado aos seus filhos.   “Associo o sucesso da nossa franquia na região à percepção dos pais sobre a importância de se dominar um segundo idioma. No início da operação, sentíamos muito a necessidade de conscientizar os pais sobre a importância de se começar a aprender cedo. Hoje, quase 25 anos depois de trazer o método para o Brasil, vejo nitidamente a mudança comportamental e o aumento do interesse pelo aprendizado de inglês ainda na infância.”

Atuação

A região Sudeste é a que tem maior concentração de unidades, sendo 48 no total, e segundo a executiva responsável pelo The Kids Club no Brasil, Sylvia de Moraes Barros, o sucesso é atribuído a preocupação de muitos pais com a qualidade do ensino ofertado aos seus filhos.   “Associo o sucesso da nossa franquia na região à percepção dos pais sobre a importância de se dominar um segundo idioma. No início da operação, sentíamos muito a necessidade de conscientizar os pais sobre a importância de se começar a aprender cedo. Hoje, quase 25 anos depois de trazer o método para o Brasil, vejo nitidamente a mudança comportamental e o aumento do interesse pelo aprendizado de inglês ainda na infância”.

O método The Kids Club oferece os cursos: Little Kids – introdução ao idioma, para crianças de 02 anos de idade baseado em músicas; KIDS – dos 03 aos 06, com aulas voltadas para o aprendizado oral, com uso de muitas brincadeiras, músicas e histórias; e o curso Junior, para alunos de 07 a 12 anos, onde começam a ser apresentadas a leitura e a escrita, juntamente com o exclusivo Curso Phonics, onde a criança aprende o som e a pronúncia correta das palavras em inglês. Ao fim desde processo, os alunos estão aptos a realizar um exame de certificação internacional, desenvolvido na Inglaterra.

Por Redação, do Universo Franchising.

Quer saber tudo sobre o mundo das franquias? Fique atento as novidades

Leia mais: Gracom quer dobrar de tamanho e chegar a 50 unidades